Procedimentos para Submissão dos Trabalhos

Os trabalhos deverão ser submetidos exclusivamente pela plataforma até às 24h (horário oficial de Brasília) do dia 28 de abril de 2019. 

 

O artigo deverá estar no formato “PDF”.

 

Cada autor poderá submeter no máximo cinco trabalhos, sendo que a contagem do número de trabalhos não distinguirá  autoria de coautoria. Recomendamos que o número máximo autores nos trabalhos  seja de até cinco.

 

Cada coautor receberá um e-mail para confirmação de sua coautoria no endereço indicado pelo responsável pela submissão. Esta confirmação é essencial para que todos os autores confirmem seus dados, para a geração dos certificados, anais entre outros produtos.

Modalidades de Submissão

 

  • Resumos expandidos: 3 a 5 páginas. ​

 

Modelo 1: Resumo expandido de comunicação científica

Modelo 2: Resumo expandido de relato de experiência

A Comissão Avaliadora indicará formato de apresentação: se pôster ou comunicação oral. Todos os trabalhos serão publicados em Anais. Para os trabalhos  melhores avaliados o autores  serão convidados a apresentarem a versão na íntegra para serem publicados na Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação (RBBD).

 

  • Videografias:  vídeos de até 5 minutos acompanhados de um Resumo de até 3 páginas, aliando imagens com teoria e experiências. Trabalhos com melhor avaliação serão publicados na RBBD. Para essa forma de apresentação será uma escolha do(s) autor(es). Indicar no template.

 

  • Todos os trabalhos (comunicação oral, pôster e videografia) deverão seguir os modelos apresentados. No caso de videografia está restrita aos relatos de experiências.

 

 

Orientações para a Apresentação dos Trabalhos

 

  • Resumo expandido em comunicação oral: Visando propiciar maior oferta de conteúdos no evento, cada apresentação terá duração de 15 minutos, sendo 10 minutos para exposição dos autores e 5 para realização de debate com a plateia. Os autores deverão preparar um arquivo em Power Point (PPT) prevendo o tempo estipulado (inclusive considerando exibição de vídeos, caso houver). O controle do tempo será rigoroso para privilegiar o debate entre os participantes. O template é livre e a apresentação deverá ser entregue com antecedência no media desk do evento.

 

  • Resumo expandido em pôster: resgatando o sucesso da proposta lançada no CBBD 2017, a apresentação dos pôsteres será em formato pecha kucha, com template livre. Os autores deverão preparar uma apresentação de 5 minutos, contendo 20 slides programados para avançar automaticamente a cada 15 segundos. Serão preparados blocos de 4 a 6 apresentações e ao final os autores poderão conversar com a plateia em local determinado. Trabalhos com autoria coletiva, somente um dos autores deverá realizar a apresentação. O arquivo do trabalho deverá ser levado ao media desk do evento com antecedência. Veja aqui um exemplo.

 

  • Videografias: formato indicado a relatos de experiências e a trabalhos que utilizaram metodologias que propiciem a melhor visualização dos resultados a partir de vídeo, como a etnografia, observação participante e afins. O autor deverá submeter, pela plataforma, um vídeo de até 5 minutos explorando os recursos audiovisuais. O arquivo do vídeo deverá ser entregue com antecedência ao media desk do evento.

​​​

Plataforma de Submissão dos Trabalhos

Acione a plataforma e submissão dos trabalhos:

 
 
 
 
 

Eixos Temáticos

Eixo 1

Eixo 2

Eixo 3

Eixo 4

Eixo 5

Eixo 6

Eixo 7

Eixo 8

Eixo 9

Eixo 10

Eixo 11

Eixo 12

Eixo 13

Eixo 14

Eixo 15

Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS).

ODS 4: Educação de Qualidade:

As bibliotecas são o coração das escolas, universidades e institutos em todos os países do mundo. As bibliotecas apoiam programas de alfabetização, oferecem um lugar seguro para a aprendizagem e colaboram com pesquisadores na utilização de dados e informações para gerar novos conhecimentos.

ODS 8: Emprego Digno e Crescimento Sustentável:

Acesso público às tecnologias de informação e os treinamentos em bibliotecas permitem que as pessoas se candidatem aos empregos. A equipe capacitada da biblioteca pode ajudar as pessoas no preenchimento dos formulários online, escrever matérias de apoio e encontrar o emprego apropriado.

ODS 10: Redução das Desigualdades:

Acesso equitativo à informação, liberdade de expressão, liberdade de associação e de reunião e o direito à privacidade são fundamentais para a independência individual. As bibliotecas contribuem para reduzir a desigualdade proporcionando espaços cívicos seguros e abertos a todos em áreas urbanas e rurais em todo o mundo.

Paz, Justiça e Instituições Fortes:

Para alcançar o acesso pleno à informação, todos devem ter, tanto o acesso como as habilidades para utilizarem a informação de maneira efetiva, como expressado na Declaração de Lyon sobre o Acesso à Informação e o Desenvolvimento. As bibliotecas possuem habilidades e os recursos para apoiarem os governos, instituições e indivíduos a comunicarem, organizarem, estruturarem e utilizarem a informação de maneira efetiva para o desenvolvimento.

Ninguém fica para trás

Iniciativas voltadas à acessibilidade para pessoas com deficiência, inclusão social e enfoque de gênero. Bibliotecas comunitárias, bibliotecas públicas e bibliotecas prisionais. Empoderamento da comunidade e cidadania. Competência em informação para públicos em vulnerabilidade social. Sustentabilidade e meio ambiente. Censura, liberdade de expressão e liberdade intelectual. Democracia. Cultura digital. Agenda 2030 e Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável.

Cultura do privilégio

Reflexões acerca da desigualdade que promove uma cultura do privilégio pautada em diferenças (muitas delas incorporadas como naturais na percepção das pessoas); em hierarquias que privilegiam poder e destaque (segundo classe ou sangue, identidade racial, gênero, berço, cultura ou combinação das anteriores) e em políticas. As bibliotecas e os bibliotecários na cultura do privilégio.

A expansão desenfreada das tecnologias

Futuro do trabalho e das bibliotecas. Tecnologia para democratização do acesso à informação. Inovação no emprego de tecnologias. Vigilância tecnológica e privacidade. Produtos e serviços de bibliotecas para nativos digitais. Vertentes e tendências: blockchain, big data, data science, realidade virtual, robotização, inteligência artificial, games e internet das coisas. A biblioteca do futuro. Softwares livres.

O farol do advocacy

Movimento associativo no Brasil e no mundo. Atuação política dos bibliotecários. Políticas públicas de livros, leitura, literatura e bibliotecas. Proatividade e liderança em defesa da profissão. Órgãos representativos da classe (centros acadêmicos, associações de bibliotecários, FEBAB, Conselhos Regional e Federal de Biblioteconomia e IFLA).

Gestão de bibliotecas

Criatividade e inovação em produtos e serviços. Gestão de projetos. Gestão financeira e captação de recursos. Cultura da participação. Gestão de repositórios digitais, bibliotecas virtuais e uso de e-books, portais e dados abertos. Gestão de marketing. Serviço de referência. Arquitetura e equipamentos de bibliotecas. Gestão da comunicação. Desenvolvimento de coleções (seleção, avaliação, preservação). Gestão de coleções especiais. Patrimônio Bibliográfico em Bibliotecas. Gestão de processos. Makerspaces e coworkings. Metodologias inovadoras de gestão.

Construção e identidade profissional

Ética e moral. Ensino (tradicional e a distância) e currículos de Biblioteconomia. Formação continuada. Imagem e status do bibliotecário e da biblioteca. Demandas do mercado emergente de trabalho. Novas competências e habilidades. História da Biblioteconomia.

Ciência da Informação

Epistemologia, história e desenvolvimento da Ciência da Informação e Biblioteconomia. Tendências em pesquisa. Interdisciplinaridade. Organização do conhecimento. Produção e comunicação da informação em ciência, tecnologia e inovação. Informação e memória. Informação e saúde.

Evento paralelo

Bibliotecas de Arte para todos: o acesso à informação em arte.
O papel das instituições de informação em Arte (bibliotecas, centros de documentação, museus e centros culturais) na promoção e difusão do patrimônio documental cultural e artístico e no estabelecimento de políticas de ação cultural.

O papel educativo e inclusivo das Bibliotecas de Arte, de seus profissionais e dos espaços de Arte (bibliotecas, museus, centros culturais, escolas de arte etc).

2º Fórum das Bibliotecas de Arte

Evento paralelo

XI Seminário Brasileiro de Bibliotecas das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica

Evento paralelo

IV Fórum de Biblioteconomia Escolar: Pesquisa E Práticas Rumo ao Desenvolvimento Humano

Aspectos da Biblioteconomia escolar frente aos temas: gênero, minorias sociais, inclusão social e pessoas com deficiência, a sua relação aos aspectos social, educacional e político na atual conjuntura social brasileira e as ações de mediação da informação para a emancipação dos sujeitos. O papel dos profissionais de bibliotecas escolares na promoção do acesso democrático à informação e no desenvolvimento humano equânime nas escolas e frente aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030.

Evento paralelo

V EEPC Encontro de Estudos e Pesquisas em Catalogação

Evento paralelo

6º Seminário Nacional de Documentação e Informação Jurídicas

Evento paralelo

I Fórum Brasileiro das Bibliotecas Prisionais

Reflexões, programas e projetos voltados às pessoas privadas de liberdade. Experiências de bibliotecas prisionais no Brasil e no mundo.

Evento paralelo

I Fórum de Bibliotecas Universitárias: Comunicação Científica no contexto da Ciência Aberta.

Discussões sobre a Comunicação Científica no contexto da Ciência Aberta, posicionamento da Biblioteca Universitária neste cenário, seu papel no apoio a uma cultura do acesso aberto a dados e conhecimento e suporte à infraestrutura de novos modelos de comunicação científica. A Biblioteca Universitária como um agente essencial no impacto da pesquisa produzida na universidade mediante a inovação de tecnologia de bibliotecas e serviços. Sub temas: Acesso Aberto, Plano S, Dados de pesquisa, Recursos Educacionais Abertos, Humanidades Digitais, Curadoria e preservação digital, Repositórios, Tendências em periódicos científicos, Indicadores e métricas científicas, Integridade científica, Direito do autor, Plágio.

CBBD 2019
  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social

Receba notícias e informações

©2018 criado por buzzsensor.com